O suporte e a adoção de normas internacionais pela Hexagon PPM, incluindo ISO 15926, CFIHOS e OData

A Hexagon PPM, pioneira no campo de projeto de engenharia centrada em dados e gerenciamento de informações, contribui ativamente para o desenvolvimento e a adoção de normas internacionais que promovem a troca e a reutilização eficientes de informações da instalação. Nossa abordagem é sempre responder à demanda do mercado, fornecendo soluções pragmáticas que atendam às certificações relevantes e tragam valor comercial real à indústria.

POSC/Caesar, ISO 15926 e Fiatech

A Hexagon PPM é um membro ativo da POSC/Caesar e entregou o primeiro banco de dados da POSC/Caesar em 1997. A POSC/Caesar iniciou o desenvolvimento da norma ISO 15926 “Integração de dados de ciclo de vida de plantas de produção de óleo e gás”. A PPM e suas soluções integradas SmartPlant® Enterprise apoiam a ISO 15926. O modelo de dados subjacente do SmartPlant Foundation tem compartilhado uma base comum com a ISO 15926 Parte 2 desde sua origem conjunta e evoluiu refletindo o desenvolvimento contínuo desta certificação. Você pode encontrar mais informações sobre a POSC/Caesar aqui e a ISO15926 aqui.

A Hexagon PPM esteve envolvida em várias iniciativas conjuntas do setor sobre a implementação da ISO 15926 com o patrocínio da Fiatech, uma comunidade global de partes interessadas de instalações de capital que trabalham juntas para impulsionar melhorias de produtividade e eficiência com o avanço de tecnologias e práticas inovadoras. Isso incluiu as iniciativas Proteus e iRing de vários fornecedores, pelas quais um funcionário da PPM recebeu um Prêmio de Realização Técnica Superior (STAR) da Fiatech.

Além do apoio à ISO 15926 nas nossas ferramentas de IM, o SmartPlant Interop Publisher interpreta arquivos ISO15926 para conversão no nosso formato 3D para uso nas nossas ferramentas 3D e o SmartPlant P&ID salva dados de P&ID em arquivos .xml compatíveis com ISO15926.

CFIHOS (Especificação de Entrega de Informações sobre Instalações de Capital) para indústrias de processo

A CFIHOS é uma norma emergente da USPI-NL que especifica as informações exigidas pelo owner operator para operar, manter e modificar instalações de processos industriais, incluindo óleo e gás, processos e produtos químicos, energia, celulose, papel, alimentos e bebidas. A especificação aplica-se a toda a cadeia de valor e inclui informações necessárias para atender aos requisitos das autoridades reguladoras. Desse modo, nós acreditamos que a CFIHOS fornece uma boa plataforma para a padronização dos requisitos de informação em toda a indústria para reduzir a incerteza e os custos de handover, simplificar a licença para operar o processo e fornecer uma base para apoiar a interoperabilidade, e a maior eficiência dos processos de trabalho durante as operações e a fase de manutenção do ciclo de vida da instalação. Faça o download da nossa especificação de handover da CFIHOS aqui ou saiba mais sobre a CFIHOS.

O projeto CFIHOS foi criado com base na Especificação de Informações de Engenharia (EIS) desenvolvida pela Shell, que usou essa especificação por cerca de oito anos para especificar as informações que precisam ser entregues pelos contratados para preencher seus sistemas de gerenciamento do ciclo de vida de ativos. A implementação do SmartPlant Foundation pela Shell em várias de suas instalações já inclui essa especificação corporativa da Shell EIS.

A CIFHOS representa uma implementação prática da ISO 15926 e será incorporada como parte da norma ISO 15926-10X. A Hexagon PPM é membro e participante ativa da CFIHOS. A divisão de PPM está liderando uma iniciativa, juntamente com outros fornecedores de software, para definir normas de conformidade de software para a especificação.

Embora a norma CFIHOS ainda esteja em desenvolvimento, a Hexagon PPM considera que ela fornece uma boa base pragmática para a definição de requisitos de informação padrão para o gerenciamento de ativos do ciclo de vida. Estamos adotando essa norma no nosso novo portfólio de produtos Smart Digital Asset.

APIs do ODATA

O Open Data Protocol (OData) é um protocolo de acesso a dados baseado em protocolos centrais como o HTTP e metodologias comumente aceitas como a REST para a Web. Mais informações sobre esta norma aberta estão disponíveis aqui.

O valor comercial do OData é enorme, pois fornece uma maneira rápida e simples de acessar as informações de nossos sistemas e apoia a interoperabilidade entre sistemas de TI dentro de um ecossistema como, por exemplo, entre as soluções de gerenciamento de informações da Hexagon PPM e um sistema de gerenciamento de manutenção computadorizado. Nossas APIs do OData permitem que sistemas de terceiros integrem e acessem informações em nossos sistemas para exibir ou incorporar essas informações em seus sistemas ou aplicativos compostos. Sistemas de terceiros com privilégios de acesso apropriados também podem atualizar informações em nossos sistemas.

O SmartPlant Foundation e as soluções baseadas nele como o SmartPlant Enterprise for Owner Operators beneficiam uma ampla gama de APIs de leitura-escritura do OData e o padrão OAuth 2.0 para autenticação. Nos próximos anos, nossas ferramentas Smart para projeto apoiarão da mesma forma as APIs do OData.